Plantão Policial

Caminhoneiro que saiu de Vilhena mastiga saco de cocaína e acaba internado em estado grave


Paulo Henrique Rodrigues Faria, 24 anos, sofreu overdose no último dia 03 de dezembro ao mastigar um saco de cocaína na BR-163, em Sorriso (420 km ao norte de Cuiabá).

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), os agentes foram acionados por volta de 13h30 para atender uma ocorrência onde caminhoneiro de uma carreta, que estava aparentemente sob efeito de entorpecentes, no km 743, da rodovia.

Ao chegarem ao local, os agentes avistaram o condutor que apresentava forte alteração de comportamento.

Ele tinha tremores nas mãos, inquietação, olhos vermelhos e pupilas dilatadas.

Em delírio, o motorista começou a dizer que estava sendo perseguido por mais cinco veículos em seu trajeto, onde saiu de Vilhena-RO e até Sorriso.

Viagem de aproximadamente 700 km durante a madrugada.

Na abordagem, o condutor foi questionado se fazia algum uso de drogas ou se havia feito o uso de algum medicamento.

O homem respondeu que já tinha usado “rebite” (comprimido comumente utilizado por motoristas a fim de inibir o sono e dirigir por diversas horas sem parar para descansar), porém, decidiu parar devido a problemas de trombose na cabeça.

Durante a conversa com os agentes, o motorista começou a mostrar sinais de alteração de comportamento, revirando os olhos, com movimentos desconexos, chegando até se encostar na parede e desmaiar.

Nesse momento, o homem tirou a máscara e levou a mão na boca, retirando um pequeno envelope plástico mastigado, que aparentemente seria um pacote para portar cocaína.

Sob os efeitos da droga, o motorista começava a delirar e levava o dedo no nariz, alertando aos policiais que havia usado pó.

Diante do quadro clínico do motorista, considerado grave, uma equipe de socorro foi acionada e o encaminhou para o Hospital Municipal de Sorriso. (reportermt).

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Plantão Policial