Plantão Policial

Concluída mais uma turma do curso de operações de segurança com drones oferecido pela Casa Militar

Ao todo 108 alunos em Rondônia já foram formados pelo curso de segurança com drones oferecido pela Casa Militar

Porto Velho, RO - Voltado para servidores da Segurança Pública do Estado, o curso de operações de segurança com drones – COSD, da Casa Militar tem promovido um grande avanço na capacitação dos profissionais da Polícia Militar e outras forças de segurança com o objetivo de aumentar o uso da tecnologia em ações policiais no Estado.

Os drones são veículos aéreos não tripulados, também conhecidos como aeronaves remotamente pilotadas – ARPs, e podem ser ótimas ferramentas de apoio para ações na área da segurança pública. Além de contribuir com a cobertura em regiões de difícil acesso, os drones podem ajudar na análise de riscos, localizar pessoas perdidas, monitorar suspeitos em tempo real e manter em segurança o operador de segurança pública.

Ao todo, cinco edições do curso já foram realizadas em Rondônia com um total de 108 profissionais formados e que atuam em diversos órgãos públicos como a Agência Brasileira de Inteligência – ABIN, Polícia Federal – PF, Polícia Civil – PC, Polícia Militar de Rondônia – PM, Polícia Rodoviária Federal – PRF, Departamento Penitenciário Nacional – Depen, Tribunal de Justiça – TJRO, Ministério Público – MPRO, Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia – Censipam, além da Marinha, do Exército, Aeronáutica, Polícia Penal de Rondônia e da Polícia Militar do Estado do Acre.

O curso é coordenado pelo tenente Benfica, e tem como coordenador adjunto, o sargento Fábio Queiroz. O instrutor do curso é o sargento Souza Lima. Todos sob gestão do Secretário-Chefe da Casa Militar, coronel Valdemir Carlos de Góes.

No total o curso tem a duração de sete dias, divididos em três aulas remotas (EAD) com materiais e apostilas para guiar o aluno. As quatro aulas restantes são práticas. O curso oferece capacitação completa e inclui as legislações direcionadas ao uso dos drones e também a utilização do equipamento em atividades que simulam as ações policiais, tanto de dia, como à noite. Após a finalização das aulas, o aluno pode ser certificado como piloto de drone.

TECNOLOGIA

A tecnologia tem muito a oferecer para a segurança pública. É o que explica o coordenador do curso, tenente Benfica, que define a utilização de drones como um recurso essencial para os profissionais do setor. “O policial que não tem a ferramenta correta, não avança o tanto que deveria. Ter um drone aumenta as possibilidades de atuação desse profissional”, pontuou.

INVESTIMENTO

Os equipamentos já são utilizados no planejamento e acompanhamento das operações das Polícias Militar, Civil e Gerência de Estratégia e Inteligência da Secretaria de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania – Sesdec. Em 2021, o Governo de Rondônia entregou 30 drones adquiridos com recursos do Fundo Nacional de Segurança Pública – FNSP, por R$ 982.500,00 (novecentos e oitenta e dois mil e quinhentos reais).

Os equipamentos são os melhores da categoria disponíveis no mercado e possuem autonomia de voo de no mínimo 30 minutos por bateria; câmera termográfica, que capta e registra a temperatura do corpo humano, com resolução do sensor; farol de busca com capacidade de 2400 lumens (quantidade de luz emitida por uma fonte luminosa), alto falante de alta potência, capacidade de transmissão de vídeo ao vivo e gravação de vídeo em alta resolução 4K Ultra HD.


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Plantão Policial