Draco realiza operação contra colombianos acusados de agiotagem

 



A Polícia Civil, por intermédio da Delegacia de Combate ao Crime Organizado - Draco 1, com o apoio das outras unidades do Departamento de Estratégia e Inteligência - DEI, deflagrou nesta manhã a fase ostensiva da “Operação Medelín”, consistente no cumprimento de duas medidas cautelares de busca e apreensão e várias outras medidas assecuratórias, as quais estão sendo cumpridas nesta cidade de Porto Velho.

A ação é resultado da investigação materializada no Inquérito Policial de nº 012/2022-Draco.

As investigações, iniciadas a partir de uma denúncia anônima, realizada via “disk 197”, demonstraram a existência de grupo, em sua maioria composto por colombianos, especializado na prática de crimes de usura, pratica ordinariamente conhecida como agiotagem, havendo ainda informações que os envolvidos ameaçariam e obrigariam os devedores inadimplentes a realizar pagamentos em valores bastante superiores as dívidas contraídas.

As medidas cautelares foram deferidas no sentido de prospectar outros elementos informativos, desnudar a identidade de outros agentes envolvidos no esquema e, sobretudo, propiciar a asfixia financeira do grupo.

A Polícia Civil, por intermédio da Draco, solicita à população que caso detenha conhecimento dos fatos, compareça à unidade ou ainda faça uso dos canais do “disk 197” ou o telefone de WhatsApp para denúncia (69 98439 0102), garantindo-se em ambos o anonimato da identidade.


Foto:Cacoal Noticias

Fonte: rondoniaovivo



Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Plantão Policial