“Operação Eleições” é iniciada em Rondônia

Para garantir mais segurança e proteção nesta eleição, começou na segunda-feira (26), a Operação Eleições 2022, coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, por meio da Secretaria de Operações Integradas - Seopi.


As forças de segurança pública no dia 2 de outubro, os profissionais atuarão em cartórios eleitorais, locais de votação e apuração dos votos, vias públicas e estações de transporte.

Os boletins informativos serão divulgados a cada três horas, por meio do site e das redes sociais do Ministério da Justiça e Segurança Pública. Em Rondônia, os horários dos boletins serão iniciados a partir das 8h.

Os crimes computados, serão os eleitorais (boca de urna, transporte ilegal de eleitores, compras de votos, entre outros), manifestações violentas, bloqueio de vias, rixas, ameaças e atentados, temporais ou alagamentos e quedas de energias em locais de votação e de apuração dos votos.

Os trabalhos serão monitorados pelo Centro Integrado de Comando e Controle Nacional - CICCN e pelos Centros Integrados de Comando e Controle Estadual - CICCE. A ação conjunta durante o primeiro turno das Eleições Gerais de 2022 será acompanhada, em tempo real, por representantes do Tribunal Superior Eleitoral, Polícias Civis e Militares, Polícia Federal - PF, Polícia Rodoviária Federal - PRF, Corpo de Bombeiro Militares - CBMRO, Ministério da Defesa, Agência Brasileira de Inteligência - Abin, Secretarias de Segurança Pública e Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil - Sedec.

Já em Rondônia, todo o sistema de segurança será acompanhado pelo Centro Integrado de Comando e Controle, em uma sala do Tribunal Regional Eleitoral, comandado pelo gerente de Integração de Segurança e Fronteira, coronel Davi Moroni. Estarão empregados na Operação, Polícias Militares e Civis do Estado de Rondônia, Corpo de Bombeiros e Polícia Técnico-Científica.

Fonte: Rondoniagora


 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Plantão Policial