Ucranianos encontram cova coletiva em cidade libertada no leste


Tropas ucranianas retomaram Lyman do controle russo no sábado

Porto Velho, RO - Autoridades ucranianas encontraram uma vala comum na cidade recentemente libertada de Lyman, no leste do país, e não está claro quantos corpos ela possui, disse o governador regional Pavlo Kyrylenko em uma publicação online nesta sexta-feira (9).

Separadamente, a agência de notícias Ukrinform citou um alto funcionário da polícia dizendo que o túmulo continha 180 corpos. Tropas ucranianas retomaram Lyman, na região de Donetsk, do controle russo no sábado (1º).

As autoridades ucranianas acusam regularmente as tropas russas de cometerem atrocidades em territórios ocupados, uma acusação que Moscou nega.

No mês passado, os corpos de 436 pessoas foram exumados de um local de sepultamento na cidade de Izium, no nordeste do país, após sua libertação. A maioria parecia ter sofrido mortes violentas, disseram autoridades locais.

Kyrylenko, governador de Donetsk, escreveu no Telegram que as autoridades em Lyman encontraram "uma vala comum onde, de acordo com informações locais, poderia haver soldados e civis. O número exato ainda não foi determinado".

Ele disse que um segundo local de sepultamento com 200 túmulos também foi encontrado, contendo os corpos de civis. Não ficou claro por seus comentários como ou quando eles morreram.

Fonte: Agência Brasil




Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Plantão Policial