Governo fortalece parceria com Acuda para fomentar o trabalho de ressocialização no Estado

O projeto “Iluminar” atende uma média de 90 reeducandos por dia

Porto Velho, RO - Com foco no trabalho realizado para a ressocialização no sistema prisional do estado, o Governo de Rondônia por meio da Secretaria de Estado da Justiça – Sejus assinou o termo de convênio no valor de R$ 458.143,46 (quatrocentos e cinquenta e oito mil cento e quarenta e três reais e quarenta e seis centavos) que irá fomentar as ações executadas pela Associação Cultural e de Desenvolvimento do Apenado e do Egresso – Acuda, através do projeto “Iluminar”.

Em funcionamento desde julho de 2021, atualmente o projeto atende por dia, 90 reeducandos da Penitenciária Estadual Aruana, Penitenciária Estadual Edvan Mariano Rosendo e Centro de Ressocialização Vale Guaporé, ofertando atividades de fabricação de tapetes romanos e chilenos, peças em madeira (mesas, cadeiras, bancos e outros utensílios) e cerâmica, artes plásticas e esculturas, além de serviços como a oficina de mecânica de veículos leves, musicalidade multinstrumental, corte e costura, linhas e barbantes, lavanderia e barbearia. As atividades visam a capacitação técnica, voltada para o trabalho. Além dessas atividades os privados de liberdade recebem atendimento odontológico, psicológico e terapêutico.

O governador Marcos Rocha ressaltou a importância da parceria entre o governo e Acuda. “Precisamos pensar no pós cumprimento de pena dos privados de liberdade. Essa parceria com a Acuda permite a oferta de capacitação através não somente da teoria, mas também da prática para que se formem profissionais capacitados com possibilidades reais de atender às necessidades do mercado de trabalho. Aliado a isso, temos o cuidado com a saúde mental, bem como um trabalho completo, em prol da ressocialização e segurança do Estado”, concluiu.

Todos os reeducandos que participam do projeto passam por um processo de classificação realizado pela Sejus, onde um dos principais fatores é o bom comportamento e disciplina apresentados dentro das unidades prisionais. O convênio foi assinado no dia 28 de dezembro de 2022, e tem validade de um ano, a contar do dia 1º de janeiro de 2023.


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Plantão Policial