'Tu não era o brabo', diz homem após invadir velório de padeiro

Jardel foi encontrado desacordado após ser espancado na madrugada do dia 27 do mês passado na Rua Janaína, bairro Teixeirão

Porto Velho, RO - A Polícia Militar foi acionada na madrugada deste sábado (07) após um homem de 33 anos, embriagado, invadir o velório do padeiro Jardel Félix Pantoja, 39, que morreu após ser espancado na Rua Janaína, bairro Teixeirão, na zona Leste de Porto Velho (RO).

O velório da vítima ocorria em uma funerária na Avenida Amazonas, bairro Cuniã, quando de repente o homem embriagado chegou em um carro e foi até o caixão.

Muito alterado o homem teria dito: "Tu não era o brabo?"

Nesta hora, os familiares da vítima foram para cima do acusado o questionando sobre o envolvimento dele no crime. Imediatamente uma equipe da PM foi chamada ao local.

O homem alegou aos policiais que não teve participação no crime, mas passou informações sobre um dos possíveis envolvidos.

Embriagado ele dizia que Jardel (vítima) era muito folgado, entre outras 'coisas'.

Os policiais militares colheram todos os dados do homem e também da pessoa que ele afirma que teve participação no crime e encaminharam a ocorrência para a Delegacia Especializada em Repressão a Crimes Contra a Vida (DERCCV).

O crime

Jardel foi encontrado desacordado após ser espancado na madrugada do dia 27 do mês passado na Rua Janaína, bairro Teixeirão.

Ele foi foi socorrido ao hospital João Paulo II e não resistiu na última quinta-feira (05). A carteira porta cédulas e o celular da vítima não foram encontrados.

Por esse motivo o caso a princípio estava sendo tratado como roubo seguido de morte (latrocínio).

Fonte: Rondoniaovivo/Foto: ILUSTRATIVA


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Plantão Policial